Notícias
< voltar

Recode lança iniciativa para integrar educação e tecnologia

21/08/2018

Recode lança iniciativa para integrar educação e tecnologia

Com o objetivo de oferecer cursos on-line gratuitos de tecnologia a jovens em situação de vulnerabilidade, Movimento Recode abre inscrições para escolas da rede pública, bibliotecas públicas e comunitárias e organizações sociais A Recode, organização social com mais de 20 anos de atuação no campo do empoderamento digital, lança neste mês o Movimento Recode, iniciativa que tem como objetivo capacitar jovens em situação de vulnerabilidade para o uso ético e cidadão da tecnologia com cursos on-line gratuitos. O projeto, que integra educação e tecnologia, será implementado por meio da adesão de bibliotecas públicas e comunitárias, escolas da rede pública e organizações sociais. Ao propor atuação em escala, a Recode espera contribuir para reverter o cenário identificado neste ano pelo Banco Mundial, segundo o qual cerca de 50% dos jovens brasileiros perdem interesse pelos estudos e correm risco de serem excluídos do mercado de trabalho. As inscrições podem ser feitas no site http://recode.org.br/movimentorecode até 30 de setembro. A formação estará disponível nas instituições que aderirem ao movimento por meio de uma plataforma digital que oferece conteúdo personalizado para os jovens com uma metodologia própria para o desenvolvimento de competências do século 21, como resolução de problemas, criatividade, comunicação e colaboração. A expectativa é alcançar, até 2019, 1.300 instituições cadastradas, que serão reconhecidas como centros de empoderamento digital. “Acreditamos nesta aliança com a sociedade para acelerar oportunidades e ampliar o desenvolvimento pessoal e profissional de toda uma geração. Enxergamos esses espaços como polos de transformação, ajudando a formar jovens que serão estimulados a usar a tecnologia para estudar, trabalhar, empreender e buscar soluções criativas para os problemas de suas comunidades”, afirma Rodrigo Baggio, presidente da Recode. Os cursos, com duração média de 20 a 50 horas, abrangem temas como prototipagem de aplicativos, criação de páginas web, gestão de projetos, introdução à lógica e programação, preparação para o mundo do trabalho e empreendedorismo, realidade aumentada e virtual e inteligência artificial. Podem se inscrever no Movimento Recode escolas da rede pública, bibliotecas públicas e comunitárias e organizações sociais que tenham no mínimo três computadores e acesso à internet para uso da comunidade. À frente desse novo desafio está o fundador e presidente da organização social Recode, Rodrigo Baggio, uma das 10 personalidades mundiais selecionadas como "Principal Voices” no setor de desenvolvimento econômico, ao lado do prêmio Nobel Muhammad Yunus e do economista Jeffrey Sachs. Sua atuação como empreendedor social já foi reconhecida com mais de 60 prêmios nacionais e internacionais recebidos de organizações como UNICEF, UNESCO e Fórum Econômico Mundial. Baggio também é cofundador e presidente da Tendrel, associação profissional global para empreendedores sociais, com sede em São Francisco (EUA), que busca fortalecer o campo de impacto social por meio da criação de conexões profundas entre pares. Mais informações e inscrições: http://recode.org.br/movimentorecode Sobre a Recode A Recode (antigo Comitê para Democratização da Informática) é uma organização social voltada ao empoderamento digital, que busca formar jovens autônomos, conscientes e conectados a partir do uso da tecnologia. Com mais de 20 anos de atuação em tecnologia, formação de redes e cidadania, a organização atua em parceria com bibliotecas, escolas públicas e instituições comunitárias visando formar uma grande rede que promova uma nova consciência e gere oportunidades aos jovens brasileiros em situação de vulnerabilidade social. Hoje, a Recode integra uma rede presente em 7 países e já impactou mais de 1,7 milhão de vidas.  



Você também pode gostar