Notícias
< voltar

Ações de incentivo à leitura desenvolvidas na quarentena

26/05/2020

Ações de incentivo à leitura desenvolvidas na quarentena
Durante a quarentena o contato com os livros se tornou ainda mais importante

Criamos uma seção fixa em nossa newsletter para noticiar as iniciativas desenvolvidas por vocês por conta da pandemia. Queremos iluminar essas ações para incentivar outros organizadores de projetos de incentivo à leitura a darem continuidade aos trabalhos da forma que for possível no momento.

Conheça algumas delas e aproveite para deixar o seu relato neste link. Seu projeto pode estar em nosso próximo post.

Leia! e Tá na Mão

A Editus – Editora da UESC criou dois projetos voltados para o público de redes sociais digitais. É o Leia! e o Tá na Mão.

A primeira iniciativa – “Leia!” - apresenta autores, contadores de histórias e parceiros que leem para os internautas. A ideia é estimular a leitura na quarentena e dar um pouco de suporte a quem está em casa. Os vídeos são postados no IGTV (Instagram TV) da Editus: @editus.uesc. 

Já o Tá na Mão - é uma ação voltada para a leitura especificamente nos stories do Instagram. Periodicamente, vamos disponibilizar um livro da Editus adaptado para este formato, para que possa ser lido no celular de modo bastante simples. Após o lançamento, os títulos ficam disponíveis nos destaques. Saiba mais sobre os projetos aqui.

Marina Oliveira Tavares

Ciranda Literária

Mediante à pandemia do Coronavírus, quando as escolas e bibliotecas estão fechadas e conseqüentemente poucos alunos têm acervo literário, fez-se necessário o ajuste de fomento à leitura. 

O objetivo desta ação é o uso da literatura no gerenciamento das emoções e consequentemente no fomento à leitura para criar laços entre a família, ao abrir as portas da casa para a escola pedir licença acender a chama da esperança.
Além disto são enviados vídeo dos professores contando histórias ou lendo um livro, e e-books, livros em PDF e feito desafios aos alunos para reescrever, ler um poema, gravar um reconto da história, criar potes de esperança com poemas e frases, palavras positivas, desejos, caixas de presentes com cartas e bilhetes, desafios sugeridos no vídeo pelos autores aproximando-os assim de seus leitores.

Paula Belmiro

Projeto "É desta vez!" 

O Projeto "É desta vez!" - tem o objetivo de transmitir a importância de valorizar o hoje, o agora, respeitando as vivências do passado e projetando futuras ações para o bem individual e coletivo. 

As pessoas são convidadas a assistir aos vídeos de narrações artísticas realizadas por Meily Moany, ouvir e apreciar poemas, contos e canções para que, em seguida pensem sobre o momento presente, e contem suas histórias de vida por meio de reflexões que alcançam o afeto, incentivam a leitura e a busca por referências. 

Neste período de isolamento social, o Projeto "É desta vez!" tem incentivado a leitura por meio de vídeos curtos, trechos e fragmentos de histórias e fotos da narradora artística Meily Moany caracterizada com as personagens principais de clássicos da literatura infanto-juvenil e compartilhado nas redes sociais (Facebook, Instagram, Youtube e WhatsApp). 

Meily Moany

 

Canal Cléo Busatto

Cléo Busatto conta que retomou  a leitura e a narração de histórias de sua autoria, no seu canal YouTube, motivada pela solicitação da coordenadora do projeto Bambalalão, de Verona, Itália, de Português como Língua de Herança. Esse pedido chegou para ela quando a Itália estava numa fase crítica da epidemia da Covid19. De lá para cá tornou isso uma prática. Segundo Cleo, foi a forma que  encontrou de ajudar as pessoas, neste momento.



Você também pode gostar